#346: Traições – Strange Angels II – Lili St. Crow

, em quarta-feira, 6 de abril de 2016 ,
Bookmark and Share

Editora: Novo Século
Páginas: 312
Ano: 2011

Sinopse (Skoob):
Pobre Dru. Seus pais se foram. Seu melhor e (está bem!) único amigo Graves foi mordido por um lobisomem. E ela acabou de saber que o sangue correndo em suas veias não é totalmente humano.
Agora seu estranho e belo salvador, Christophe, a escondeu em uma Schola secreta para djamphir e lobisomens adolescentes. O problema é que ela é a única garota por ali. E sabe quais são as más notícias?
O instinto assassino de Dru diz que um de seus colegas de escola quer vê-la morta.
Com todos os olhares sobre ela, descobrir um traidor dentro da Ordem significaria muito mais do que suicídio social...


No volume anterior...
Dru Anderson é uma garota incomum. Ela ajuda o pai a caçar integrantes do Mundo Real, ou seja, fadas, lobisomens, vampiros e fantasmas. O Mundo Normal – dos humanos – não sabe que esses seres existem, porém, Dru tem o “toque”: o dom de enxergar essas criaturas.
Depois de ser atacada por um zumbi e ver um amigo ser mordido por um lobisomem, seu mundo vira de ponta-cabeça e ela entra numa espiral de perigos e tentar salvar a própria vida.

A partir daqui contém spoilers ~leves~ do livro anterior.
Dru Anderson finalmente descobriu o que é: um svetocha. O que isso significa, porém, ela ainda não conseguiu entender. Só sabe que é preciosa e que os djampir e lobisomens querem protege-la dos nosferat. Ou pelo menos a maioria deles quer.
Depois de perder tudo e quase todos e ser resgatada por Christophe, ela e seu amigo Graves, agora um loup-garu, são levados para uma Schola, onde terão aulas e treinamento. Porém o único que recebe o pacote completo é Graves, Dru se sente mais como uma prisioneira, uma garota frágil que precisa ser protegida. E ela não gosta nada disso.
Além disso, Christophe entra em seu quarto secretamente e a avisa que há um traídor ali. Alguém que está passando informações sobre ela para Sergej, o nosferat que a está caçando.
Sem saber em quem confiar e tentando descobrir um jeito de lidar com suas perdas, Dru está bem à deriva. Se ela vai firmar os pés no chão e tomar uma atitude descubra lendo Traições.

Sabe aquele livro com um potencial para ser maravilhoso, porém que deixa a desejar em alguns aspectos importantes? Pois é.
Eu gosto da história em si, das ideias e do universo de personagens que a Lili St. Crow criou, mas algumas falhas no desenvolvimento me irritam e tornaram a leitura – principalmente da primeira metade do livro – lenta e um pouco aborrecida.
Uma coisa que me irrita muito é a quantidade exacerbada de gírias, apesar que eu acho que diminuiu do livro um para esse. Outra coisa é que, como é narrado pela Dru e ela está super confusa (puberdade – ela tem 16 anos + muitas desgraças + ameaças de morte + suspeitos por todo lado = confusão completamente aceitável), o livro se torna um pouco confuso, inclusive em questão de continuidade.
Porém ele tem uma cota de mistério interessante e, como disse antes, gosto muito dos personagens, então é isso que me mantém acompanhando a série. (Até já tenho o terceiro livro, acompanhem para saber se vou lê-lo ainda esse ano. rsrs)

Nota: 3,8/5.

Série Strange Angels:
Traições
Ciúmes
Defiance – ainda não publicados no Brasil.
Reckoning


P.S.: Livro 4/20 do Desafio Book Jar 2016.

Comentou? Preencha o formulário e participe do Top Comentarista de Abril. 

Nenhum comentário :

Postar um comentário