#337: O Amor Nunca é Demais – Os MacGregor #8 – Nora Roberts

, em sexta-feira, 11 de março de 2016 ,
Bookmark and Share

Editora: Harlequin Books
Páginas: 316
Ano: 2008

Sinopse (Skoob):
O plano de Daniel deu certo com as netas. Agora, o patriarca dos MacGregors quer ver seus três belos netos casados. O problema é que eles são solteiros convictos… Mas isso não impedirá o avô de encontrar as mulheres perfeitas para tentarem, provocarem e torturarem D.C., Duncan e Ian até finalmente chegarem ao altar. Pois todos sabem que quando Daniel MacGregor tem um objetivo, ele irá alcançá-lo!


Agora que quatro de seus netos estão casados e felizes, constituindo suas famílias, Daniel – o patriarca da família MacGregor, conhecido por ser genial nos negócios e um casamenteiro de mão cheia – se volta para três outros netos: D.C., Ian e Duncan.
Daniel Campbell MacGregor – D.C. –, filho mais velho de Alan, é um pintor famoso e mora em Washington, próximo dos pais. Ele acaba de pintar uma tela cheia de emoção quando recebe uma ligação de seu avô pedindo um favor. D.C. logo fica desconfiado das intenções de Daniel, mas este diz que é um favor para Myra Dittmeyer, a amiga mais antiga de Anna e madrinha de D.C., e o jovem termina aceitando ir a um baile beneficente com Layna Drake, também afilhada de Myra.
Layna acaba de assumir um cargo importante na loja de departamentos da família, a Drake’s, e trabalha demais. Myra a embosca logo antes de sair para o baile beneficente, dizendo que aceitou um pedido de Daniel para que o neto acompanhasse sua afilhada ao baile. Layna não entende bem, mas não vê como negar-se a fazer o que a madrinha quer.
D.C. está muito feliz sozinho e não quer o avô se metendo em sua vida, acreditando que o avô não acha Layna a mulher perfeita para ele, se dá a liberdade de aproveitar a noite. Layna não tem planos de casar depois de ver seus pais viverem um casamento de fachada por vários anos, tudo que ela quer é subir na hierarquia da empresa e logo chegar à diretoria executiva. Vendo que a tia não aparenta ter planos de cupido dessa vez, ela relaxa.
Porém, assim que eles se encontram, ficam ambos intrigados um com o outro e se perguntam porque Daniel e Myra tiveram que marcar tal encontro entre eles. A frieza e comedimento dela atiçam a vontade de D.C. desconcerta-la. A intensidade dele deixa Layna nervosa e atraída. Então tudo fica na mão deles.
Duncan Blade é o segundo filho de Serena e afirma aos quatro ventos que a única mulher a comandar sua vida é o Princesa Comanche, o barco cassino que ele comanda singrando o Rio Mississipi.
Cat Farrell parece uma adolescente de dia, mas quando se apronta para suas performances no palco, ela se torna um mulherão sensual com uma voz compatível ao visual.
Ambos sentem uma atração perigosa no ar logo de cara e decidem que se envolver seria um erro e antes que a atração fale mais alto, eles pensarão bem se estão dispostos a arriscar não só o trabalho como seus corações, porque as apostas são altas demais.
Ian MacGregor, filho de Caine, seguiu os passos de ambos os pais e se tornou um ótimo advogado. Ele acaba de comprar a casa dos sonhos e está curtindo cada minuto e decorando-a totalmente a seu gosto.
O que o leva à Brightstone, uma livraria tradicional de Boston, é um acordo de sociedade. Naomi está tomando as rédeas do negócio da família e, depois de trabalhar muito para atualizar o estilo de negócios da loja com uma cafeteria e reorganização espacial, começou a ter o retorno lucrativo desejado.
Outra coisa de que Naomi tomou as rédeas foi sua própria vida. Em pouco mais de um ano, ela se transformou de tímida gordinha que se esconde atrás dos livros em uma mulher elegante que gere um negócio. Porém a insegurança da adolescência ainda existe e é difícil de rebater em vários momentos. Como quando recebe um elogio de um homem bonito como Ian. Mas essa não é mais a pessoa que ela quer ser e vai lutar com unhas e dentes para ser mais segura.
Ao mesmo tempo, Ian vai fazer de tudo para conquista-la e, percebendo como ela se embaraça com gestos muito galanteadores, ele começa com suaves beijos no rosto e poucos toques aqui e ali. O que podo ser uma tortura para o rapaz.

Não pensei que o resumo fosse ficar tão grande! E olhem que eu não contei tanta coisa assim. Kkk
Dentre os três romances acima, sem dúvidas, o meu preferido é o de Ian e Naomi. Não que eu desgoste de algum dos outros, mas é que o Ian é o mais romântico-galanteador-charmoso-cuidadoso deles e me conquistou muito mais. Desde a primeira vez que li.
Naomi também é minha preferida entre as protagonistas. Eu adoro o jeito despojado e brincalhão da Cat e a firmeza da Layna, mas a Naomi é a que mostra mais determinação e crescimento e admiro muito a personagem por isso.
Uma das coisas que mais gosto nos livros em que a Nora mostra vários casais é a destreza dela para manejar personagens tão diferentes e que, ao mesmo tempo, se dão tão bem.
E claro que ter o Daniel sempre presente nas histórias como a pessoa que une essa família maravilhosa é perfeito. Ele é o meu personagem preferido de toda a série, definitivamente.

Nota: 5/5 – favorito!

Os MacGregors:

Comentou? Preencha o formulário e participe do Top Comentarista de Março.

Nenhum comentário :

Postar um comentário