#312: Bone Crossed – Mercy Thompson #4 – Patricia Briggs

, em sábado, 12 de setembro de 2015 ,
Bookmark and Share

*livro em inglês*
Editora: Ace Fantasy
Páginas: 287
Ano: 2010

Sinopse (Skoob):
Briggs makes a well-deserved move into hardcover with the rousing fourth adventure for kick-ass were-coyote auto mechanic Mercedes Thompson. Healing in body and spirit after the events of 2008's Iron Kissed, Mercy is preparing to marry alpha werewolf Adam Hauptman when an old friend asks her to help fend off a nasty ghost. It's a good time for Mercy to leave Portland, Ore.: vampire queen Marsilia is after her and her vampire friend Stefan for successfully hunting down a monster that should have killed them. Mercy leaves Adam to negotiate peace with Marsilia and heads to Spokane, Wash., to investigate the ghost, an unexpectedly complicated task. Though action supersedes characterization, the preternatural culture of vampire seethes and wolf pack politics is deeply intriguing. Briggs provides plenty of detail about Mercy's complex world without boring info-dumps, satisfying both new and longtime readers.


Pode conter spoilers dos livros anteriores.

Mercy sofreu um ataque muito sério em Iron Kissed, que a abalou física e psicologicamente, porém ela está lutando para se recuperar. Além do trauma, ela tem que lidar com a decisão de se tornar ou não o par de Adam – e isso tem várias implicações com inúmeros níveis de consequências imediatas e futuras.
Para completar, a retaliação pelo que aconteceu no fim de Blood Bound finalmente se anuncia quando Stefan surge, do nada, na sala de Mercy, extremamente machucado e fraco. Ela chega a pensar que ele está morto-morto dessa vez (dado que ele é um vampiro e morto já está).
Enquanto tenta processar todas as informações e situações que a rodeiam, Mercy recebe a visita de Amber, uma antiga colega de faculdade, com um pedido um tanto estranho e oportuno até demais. Amber quer que Mercy vá a Spokane, até sua casa, para ver se esta está assombrada ou não, pois ela tem tido problemas com o marido por causa desse suposto fantasma que o filho notou existir.
Se manter afastada da seethe enquanto os lobisomens tentam negociar uma trégua parece uma ótima ideia e Mercy aceita o convite de Amber, apesar de não estar extremamente convencida de que aquilo não é uma armadilha. Mesmo com um pé atrás, principalmente depois de conhecer o chefe do marido da amiga – que é um vampiro –, Mercy resolve proteger Chad de qualquer coisa.

A cada livro que passa amo mais e mais essa série! A escrita da Patricia é completamente envolvente e ela equilibra muito bem as histórias de cada livro. Em alguns ela dá mais foco para os personagens que rodeiam a Mercy e em outros, como nesse, ela foca mais na protagonista.
Bone Crossed é um livro em que a Mercy descobre muitas coisas sobre si mesma – como ela mesma diz num dos trechos mais perfeitos do livro, ela tem uma epifania. É nesse volume da série que ela para para estudar seus sentimentos sobre todos que a rodeiam, ver quem ela ama de que jeito e decidir seus próximos passos, principalmente com relação a Adam e a pack.
E, de quebra, o leitor descobre muitos segredos sobre os vampiros.
Gente, é sério, essa série precisa ser traduzida para todos vocês poderem ler! Ou vocês podem ler em inglês mesmo. Não é difícil, pessoal. ;)

Nota: 5/5 – favorito!

Série Mercy Thompson:
  1. Moon Called
  2. Blood Bound
  3. Iron Kissed
  4. Bone Crossed
  5. Silver Borne
  6. River Marked
  7. Frost Burned
  8. Night Broken



Comentou? Preencha o formulário e participe do Top Comentarista de Setembro.

Nenhum comentário :

Postar um comentário