#307: Bruxa da Noite – Primos O’Dwyer I – Nora Roberts

, em quarta-feira, 29 de julho de 2015 ,
Bookmark and Share

Editora: Arqueiro
Páginas: 320
Ano: 2015

Sinopse (Skoob):
De uma das autoras mais queridas do mundo chega uma trilogia sobre a terra a que nos conectamos, a família que guardamos no coração e as pessoas que desejamos amar...
Com pais indiferentes, Iona Sheehan cresceu ansiando por carinho e aceitação. Com a avó materna, descobriu onde encontrar as duas coisas: numa terra de florestas exuberantes, lagos deslumbrantes e lendas centenárias – a Irlanda.
Mais precisamente no Condado de Mayo, onde o sangue e a magia de seus ancestrais atravessam gerações – e onde seu destino a espera.Iona chega à Irlanda sem nada além das orientações da avó, um otimismo sem fim e um talento inato para lidar com cavalos. Perto do encantador castelo onde ficará hospedada por uma semana, encontra a casa de seus primos Branna e Connor O’Dwyer, que a recebem de braços abertos em sua vida e em seu lar.
Quando arruma emprego nos estábulos locais, Iona conhece o dono do lugar, Boyle McGrath. Uma mistura de caubói, pirata e cavaleiro tribal, ele reúne três de suas maiores fantasias num único pacote.
Iona logo percebe que ali pode construir seu lar e ter a vida que sempre quis, mesmo que isso implique se apaixonar perdidamente pelo chefe. Mas as coisas não são tão perfeitas quanto parecem. Um antigo demônio que há muitos séculos ronda a família de Iona precisa ser derrotado.
Agora parentes e amigos vão brigar uns com os outros – e uns pelos outros – para manter viva a chama da esperança e do amor.


Iona Sheehan nunca se sentiu realmente encaixada em sua vida nos EUA, seus melhores momentos eram com os cavalos e a única que demonstrava verdadeiro amor por ela era sua querida Vovó Mary Kate O’Connor.
Com o incentivo dela e seguindo um impulso, Iona vendeu boa parte de suas coisas, deixou seu emprego e viajou para o condado de Mayo, na Irlanda, onde estavam as raízes de sua família pelo lado de Vovó.
Lá, Iona conheceu Branna e Connor O’Dwyer, seus primos e as outras duas partes ligadas à lenda da família.
Há muitos séculos, Sorcha, a Bruxa da Noite, lutou contra Cabhan, um bruxo demônio, e o derrotou, mas não completamente. Ela passou seu poder para os três filhos, Brannagauh, Eamon e Teagan, e deixou estabelecido que o poder passaria de geração a geração até que fosse hora de lutar novamente com Cabhan.
Iona, Branna e Connor, são os três descendentes destinados à essa luta, mas não estarão sozinhos. Eles contarão com Boyle McGrath e Meara Quinn, humanos e amigos de infância dos O’Dwyer, e com Finbar Burke, outro amigo dos irmãos e descendente de Cabhan.

É Nora, então não preciso nem dizer que adorei, não é?! A não ser que você esteja entrando pela primeira vez no Cole e não tenha visto nenhum dos meus vários surtos de fã dessa diva do romance. Rsrs
O que mais me conquistou nesse livro foi o jeito da Iona. Ela é aberta, sincera e tudo que quer é receber amor e se sentir encaixada em algum lugar, mas não se rebaixa ou se permite receber menos do que merece. É interessante inclusive a repercussão desse comportamento dela no relacionamento do casal.
E falando no casal, eles meio que ficam um pouco em segundo plano em Bruxa da Noite. A preocupação maior de Nora aqui foi mostrar o aprendizado de Iona na bruxaria e a construção de seu relacionamento com um grupo todo novo de amigos e familiares, que a aceitaram mais fácil e abertamente que seus próprios pais.
Teve alguns momentos que eu achei tudo meio rápido demais, mas a personalidade da Iona ajuda a aceitar isso mais fácil.
Notaram que só falei da Iona? É que o Boyle é ótimo, alvo de periguetagem, mas não é o meu personagem masculino preferido dessa trilogia, estou mais curiosa com o que me aguarda nos livros de Connor e Fin, acho que eles vão me conquistar mais que o Boyle.
Não tenham nenhuma dúvida de que eu indico o livro, tem magia, romance e ótimos personagens. E é Nora. ;P

Nota: 4,8/5 – favorito.

Trilogia Primos O’Dwyer:

  1. Bruxa da Noite
  2. Feitiço da Sombra – lançado em julho.
  3. Blood Magick – sem data de lançamento.

Comentou? Preencha o formulário e participe do Top Comentarista de Julho.

Nenhum comentário :

Postar um comentário