#292: Iron Kissed – Mercy Thompson #3 – Patricia Briggs

, em segunda-feira, 15 de junho de 2015 ,
Bookmark and Share

*livro em inglês*
Editora: Ace Fantasy
Páginas: 287
Ano: 2008

Sinopse (Skoob):
Shape-shifter Mercy Thompson has a complex life, juggling two werewolf lovers and a job working for a fae mechanic; things get even more hectic when her boss and mentor is arrested for killing a citizen of the fae reservation. As the fae seem content to let him rot, Thompson takes it on herself to clear her friend's name, beginning a lone-wolf investigation that may cost her life. Briggs's third novel featuring Thompson (after Blood Bound) is another top-notch paranormal mystery; her well-balanced contemporary world, where humans live uneasily among werewolves and fae, is still a believably lived-in world; the ever-present threat of government legislation against nonhumans (though familiar to X-Men fans) adds weight to her paranormal elements, and thoughtfully researched mythology adds rich detail. Thompson is a sharp, strong heroine and her lycanthropic love triangle is honest and steamy. Briggs never shies from difficult material, and she moves effortlessly from werewolf pack psychology to human legal proceedings, making this a tense, nimble, crowd-pleasing page-turner.


Pode conter spoilers dos livros anteriores (Moon Called e Blood Bound).

Depois de todos os problemas que enfrentou em Blood Bound, a vida de Mercy voltou a se estabilizar, mas não está simples, pois ela precisa tomar uma decisão. Com dois werewolves lutando por sua afeição, ela precisa decidir se se envolverá com algum deles ou não, pois se demorar mais, a situação pode terminar em morte.
Porém, não é só isso que vai complicar a vida da coyote em Iron Kissed. Zee, seu antigo empregador, mentor e melhor amigo, pede que ela o acompanhe até a reserva dos Fae (fadas) para investigar algo. A situação é estranha desde o começo e piora ainda mais quando Zee é preso, acusado de ter matado outro fae.
Ele, sabendo do perigo que o seu povo pode representar para Mercy, pede que ela fique de fora daquilo e esqueça o que viu. Porém, Zee é muito importante para a walker, assim como a justiça em si, então a lealdade de Mercy fala mais alto e ela vai em busca de informações para inocentar Zee.

Eu sei que a maioria dos leitores do blog não lê em inglês, mas não posso deixar de falar dessa série que, rapidamente, se tornou uma das preferidas da minha vida!
Mercy continua o máximo e passa por situações realmente péssimas dessa vez. A pack de Tri-Cities ganha bastante destaque e possibilita o leitor a conhecer melhor os integrantes e se aproximar deles (Warren e Ben, meus queridos! Adoro vocês!). Além de mergulharmos ainda mais na mitologia criada por Briggs.
Uma coisa que acho muito legal é que a Patricia equilibra bem entre o mistério da vez, o que ficou pendente dos livros anteriores – porque nem tudo se resolveu cem por cento para a alegria de todos – e a vida pessoal de Mercy – seus romances e escolhas.
Eu estou L-O-U-C-A para que alguma editora lance essa série no Brasil, porque quero dar para todo mundo ler e indicar mais e mais e mais! (Leiam em inglês, gente! Quem curte urban fantasy e ainda não leu MT não sabe o que está perdendo!)

Nota: 5/5 – favorito!

Série Mercy Thompson:
  1. Moon Called
  2. Blood Bound
  3. Iron Kissed
  4. Bone Crossed
  5. Silver Borne
  6. River Marked
  7. Frost Burned
  8. Night Broken
Comentou? Preencha o formulário e participe do Top Comentarista de Junho.

Nenhum comentário :

Postar um comentário