#279: Matilda – Roald Dahl

, em quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015 ,
Bookmark and Share

Editora: Martins Fontes
Páginas: 254
Ano: 2013

Sinopse (Skoob):
Matilda adorava ler. Passava horas na biblioteca, lendo um livro atrás do outro. Mas, quanto mais ela lia e aprendia, mais aumentavam seus problemas. Os pais viam televisão o tempo todo e achavam muito estranho uma menina gostar tanto de ler. A diretora da escola achava Matilda uma fingida, pois ela não acreditava que uma criança tão nova pudesse saber tantas coisas. A história de Matilda até que poderia ser triste. Mas Roald Dahl conta as coisas de um jeito tão absurdo e exagerado, inventa tantas travessuras e aventuras malucas, que tudo acaba ficando engraçado.


Matilda nasceu em uma família que não a entendia. Desde cedo ela tinha uma sede de aprender e começou a ler tudo que encontrava pela frente. Como era um prodígio, logo ela descobriu onde ficava a biblioteca mais próxima e passou a frequentá-la, isso com quatro anos.
Ela lia o tempo todo, mas seus pais e seu irmão não entendiam o gosto que ela tinha com aquilo e o pai dela, o Sr. Losna, a mandava parar de ler e sentar na frente da TV junto com eles quando faziam as refeições.
Quando Matilda finalmente foi para a escola, ela ficou feliz, porém logo começou a mudar de ideia quando conheceu a assustadora Sra. Taurino, a diretora. Esta era uma mulher grande, sempre de cara fechada e que detestava crianças. Em compensação, a Srta. Mel – professora de Matilda – era uma jovem bonita e muito gentil, que gostava realmente de seus alunos e do que fazia.
A Srta. Mel logo percebeu que Matilda era especial e tentou falar com a Sra. Taurino para mudar a menina para uma turma mais avançada, mas a velha não quis nem saber da história. Então, a Srta. Mel passou a dar livros avançados para Matilda enquanto ensinava a matéria normal para os outros alunos.
O verdadeiro problema na vida de Matilda era a Sra. Taurino. A mulher não se importava de machucar crianças que a desagradavam mais ou desobedeciam e a menina resolveu que faria alguma coisa para ajudar a todos os seus amigos.

Acredito que muitos de vocês já tenham assistido o filme Matilda, não é? Eu, pelo menos, já perdi as contas de quantas vezes o vi. Ele é baseado nessa obra e é uma adaptação muito fiel. Ao ponto que eu via as cenas rodando na minha mente enquanto lia.
Tem algumas coisas diferentes e confesso que prefiro a sequência final com os detalhes acrescentados pelo filme, mas o livro também é muito fofinho e a Matilda é tão esperta e encantadora na obra escrita quanto na filmada.
Fui atrás do livro por causa do meu amor pelo filme e acho a leitura muito válida, ainda mais se você tem criança em casa e lê com ela. A leitura é simples e o livro é todo ilustrado.


Nota: 4,5/5.

Comentou? Preencha o formulário e participe do Top Comentarista de Fevereiro.

Nenhum comentário :

Postar um comentário