#157: Desejo à Meia-Noite - Os Hathaways I - Lisa Kleypas

, em sexta-feira, 21 de junho de 2013 ,
Bookmark and Share

Editora: Arqueiro
Páginas: 272
Ano: 2013

Sinopse (Skoob):
Após sofrer uma decepção amorosa, Amelia Hathaway perdeu as esperanças de se casar. Desde a morte dos pais, ela se dedica exclusivamente a cuidar dos quatro irmãos – uma tarefa nada fácil, sobretudo porque Leo, o mais velho, anda desperdiçando dinheiro com mulheres, jogos e bebida. Certa noite, quando sai em busca de Leo pelos redutos boêmios de Londres, Amelia conhece Cam Rohan. Meio cigano, meio irlandês, Rohan é um homem difícil de se definir e, embora tenha ficado muito rico, nunca se acostumou com a vida na sociedade londrina. Apesar de não conseguirem esconder a imediata atração que sentem, Rohan e Amelia ficam aliviados com a perspectiva de nunca mais se encontrarem. Mas parece que o destino já traçou outros planos.
Quando se muda com a família para a propriedade recém-herdada em Hampshire, Amelia acredita que esse pode ser o início de uma vida melhor para os Hathaways. Mas não faz ideia de quantas dificuldades estão a sua espera. E a maior delas é o reencontro com o sedutor Rohan, que parece determinado a ajudá-la a resolver seus problemas. Agora a independente Amelia se verá dividida entre o orgulho e seus sentimentos.

Será que Rohan, um cigano que preza sua liberdade acima de tudo, estará disposto a abrir mão de suas raízes e se curvar à maior instituição de todos os tempos: o casamento? 


Tudo começa quando Amelia Hathaway se aventura nos piores bairros de Londres atrás de seu irmão, Leo, que era um jovem muito bom, mas perdeu o rumo e mergulhou na boêmia depois de perder a noiva. Ela não se importa com as convenções, pois já se considera solteirona e entra num clube de homens acompanhada apenas de Merripen, um jovem cigano que foi acolhido por sua família ainda criança.
É nesse clube que Amelia conhece Cam Rohan, mestiço de cigano e irlandês, ele gerencia o clube para um lorde de má fama e se sente imediatamente atraído por Amelia, assim resolve ajuda-la a encontrar o irmão para que ela vá embora logo.
Depois de resgatar Leo completamente bêbado de um bordel, Cam e Amelia se separam. Mas dias depois eles se reencontram quando Amelia está explorando os arredores de sua nova casa no interior da Inglaterra e é quase atingida por um tiro de canhão, sendo salva por Cam.
A vida da família Hathaway não está fácil: eles perderam os pais, Leo mudou completamente de um rapaz responsável para um beberrão, Win – a outra irmã mais velha – tem a saúde frágil desde que sofreu de escarlatina e Poppy e Beatrix – as mais jovens – não têm roupas adequadas para suas idades, pois a família não tem muito dinheiro. Tudo isso, manter a família unida e bem, pesa sobre as costas de Amelia e ela pensa que as coisas melhorarão com a mudança, mas não é bem assim.

Vocês querem saber tudo pelo que os Hathaways passam? Leiam Desejo à Meia-Noite e se encantem com esse romance de época que aborda, além das dificuldades de uma família se manter unida, a sensualidade dos ciganos.
Eu me apaixonei um bocadinho pelo Cam, mas tenho a ligeira impressão que vou apaixonar mais pelo Merripen, mas isso fica para quando eu ler o próximo livro. Amelia é uma personagem forte, que se mantém firme diante de inúmeras provações com o único intuito de preservar a união de seus irmãos e dar a eles alguma felicidade, nem que para isso ela tenha que sacrificar a sua própria.
Leo merece umas boas sacudidas. Sério, passei boa parte do livro querendo esbofetear ele para fazê-lo acordar. Win é um doce e não se deixa abater apesar de seu delicado estado de saúde. Poppy e Beatrix são mais novas, mas isso não as impede de dar suporte aos irmãos mais velhos e Bea é a mais fofa, sendo a protagonista das cenas mais divertidas.
Me encantei com os Hathaways e estou doida pelos próximos volumes para ver como a família vai se sair.

Nota: 4,8/5.

P.S.: Sou louca por essa capa! Acho linda demais! ^-^

Nenhum comentário :

Postar um comentário