#150: O Dragão de Sua Majestade - Temeraire #1 - Naomi Novik

, em sexta-feira, 19 de abril de 2013 ,
Bookmark and Share


Editora: Galera Record
Páginas: 348
Ano: 2010

Sinopse (Skoob):
Imagine-se o leitor em pleno decurso das Guerras Napoleônicas. Com uma ligeira alteração... Os combates travam-se, não somente em terra ou no mar, mas também... Nos céus. Num tempo alternativo, o planeta é compartilhado por duas espécies igualmente inteligentes: os humanos e os dragões. Estes se associam aos homens quando à nascença recebem o arnês das mãos de um deles, criando um vínculo quase simbiótico que perdura ao longo das suas vidas. Seres magníficos e poderosos, além de capazes de voar, os dragões transportam toda uma tripulação de aviadores, acrescentando um devastador contributo às batalhas. Foi assim que o capitão Will Laurence viu a sua vida mudar de um dia para o outro quando abalroou uma fragata francesa e capturou um ovo de uma espécie muito rara de dragões, oferta do Imperador da China ao próprio Napoleão. Peter Jackson, o realizador de O Senhor dos Anéis, adquiriu já os direitos para o cinema desta inovadora epopeia fantástica.


Cumprido o item 9 do DRD/13: ler um livro cujo título tenha mais de 5 palavras.
Sabe quando você está no shopping sem nada para fazer, procurando alguma coisa para matar o tempo? Daí sua livraria preferida da cidade fica nesse shopping e como a(o) bookaholic que é, você vai para lá. Acontece de, nesse dia, você ter dinheiro. Então você começa a olhar as estantes, ler sinopses de livros que não conhece e – com a mão especialmente talhada para séries literárias – dá de cara com algumas séries interessantes.
Foi assim que esse livro veio parar na minha estante, uns dois ou três anos atrás mais ou menos.
Gostei dele de cara por causa da capa! E a sinopse é muito interessante: uma narrativa cronologicamente encaixada numa guerra que realmente existiu com o plus de dragões fazerem parte do exército! Gente! Gente! Eu tinha que conferir essa combinação! Então acompanhem abaixo o que achei.

Will Laurence é o capitão do Reliant, um dos navios de guerra ingleses em operação na Guerra Napoleônica. Ele e sua tripulação tomam um navio francês e encontram nesse navio um ovo de dragão prestes a chocar, então eles sorteiam o marinheiro que colocará o arreio no dragonete – dando cumprimento ao protocolo de nascimento de dragão para manter o animal no Corpo inglês.
Quando o dragãozinho sai do ovo, o marinheiro sorteado está à espera e tenta falar com a ferinha, mas é ignorado e o animal se dirige a Laurence, que se vê obrigado a arreá-lo e a se afastar do comando do navio, pois agora ele terá que pertencer ao Corpo de Aviadores.
Laurence dá ao dragão o nome de Temeraire e passa os dias, até chegar ao porto, conversando com ele quando o animal está acordado e não se alimentando.
Quando aportam e se apresentam ao Almirantado, o almirante do Corpo tenta separar Laurence e Temeraire, mas o dragão não aceita seu novo piloto e isso força o Corpo a aceitar Laurence. Assim os dois são enviados ao enclave que mais rápido treina aviadores e é especialista em casos diferentes como o de Laurence e Temeraire.
Lá, homem e dragão se tornarão cada vez mais próximos e aprenderão como voar em batalha e atingir navios e dragões inimigos. Farão também novos amigos e aprenderão muitas coisas interessantes. O quê vocês terão que descobrir lendo O Dragão de Sua Majestade.

Como eu disse no início: guerra + dragões = épico!
Sério, Coles, eu adorei o livro! Os dragões foram muito bem colocados no cenário da Guerra Napoleônica e nem parecem estranhos ao contexto. Além disso, a Naomi criou toda uma história sobre os dragões, suas diferentes raças, personalidades, habilidades e usos que parece que eles sempre estiveram entre os humanos. (Eu quero um dragão de estimação, alguém me dá? *-*)
Usando uma referência mais conhecida do público: eu vi a ligação de Laurence e Temeraire como a ligação de Eragon e Saphira. Porém as histórias são completamente diferentes, até porque, em O Dragão de Sua Majestade essas feras estão por todo lado! Só no enclave onde Temeraire treina tem mais de 6 dragões. Napoleão tem pra lá de 50 animais em seu poder, os ingleses têm um pouco menos, e os chineses são os criadores das melhores e mais antigas raças de dragões.
Esse livro é para quem gosta de fantasia misturada com um pouco de realidade!
Eu indico demais!


Nota: 5/5 - favorito!

Nenhum comentário :

Postar um comentário