#74: Resgatado pelo Amor - Nora Roberts

, em segunda-feira, 9 de julho de 2012 ,
Bookmark and Share

Editora: Bertrand Brasil
Páginas: 363
Ano: 2007

Sinopse (Skoob):
Neste romance que dá continuidade à Trilogia da Gratidão, Seth Quinn, agora um homem-feito, terá que se defrontar com seu passado antes de se entregar à mulher que tanto ama. Resgatado Pelo Amor, de Nora Roberts, foi escrito a pedido de sua legião de fãs, encantada com a história da família Quinn narrada em Arrebatado Pelo Mar, Movido Pela Maré e Protegido pelo Porto. Publicada originalmente alguns anos depois da trilogia original, é uma obra independente que traz de volta a emoção da melhor e mais emocionante saga da autora.
Seth Quinn finalmente está em casa e foi uma longa jornada. Após uma infância terrível, em companhia da mãe viciada em álcool e drogas, ele foi acolhido pela família Quinn e cresceu com três irmãos mais velhos, que cuidaram dele com muito amor. Agora já adulto e voltando da Europa como um pintor consagrado, Seth pretende se estabelecer de vez na baía de Chesapeake, na costa de Maryland, junto de Cam, Ethan e Phillip, seus queridos irmãos, e também de suas cunhadas e sobrinhos, que tornam o clã dos Quinn uma saudável e abençoada confusão com destino à felicidade.
Seth está de volta à casa azul e branca onde há sempre um barco no cais, uma cadeira de balanço na varanda e um cão correndo pelo quintal. Só que muita coisa mudou na cidadezinha de Saint Christopher desde que ele foi embora. E, em Resgatado pelo Amor, de Nora Roberts, o segredo que Seth manteve escondido durante muitos anos ameaçará vir à tona para destruir não apenas sua nova vida, mas também seu novo amor.


Esse é o desfecho da Trilogia da Gratidão. Vocês devem estar se perguntando: mas ela já resenhou os três livros (aqui, aqui e aqui)... Eu explico. Os fãs dos irmãos Quinn pediram tanto que a Nora resolveu presenteá-los com a história de Seth, que nós conhecíamos apenas como o garoto assustado que foi adotado pelos irmãos Quinn ao manterem a promessa feita ao pai, Ray.

Seth Quinn não é mais o garotinho de dez anos, assustado e esquivo que nós conhecemos em Arrebatado pelo mar. Ele agora é um homem, viveu por alguns na Europa aperfeiçoando sua arte e está de volta à St. Christopher, seu lar e de sua família. E ele espera se estabelecer de vez.
Seu pensamento inicial é surpreender os irmãos – Cam, Ethan e Philip – no galpão das Embarcações Quinn, mas seu instinto o leva direto para a casa azul e branco que vira pela primeira vez dezoito anos antes e que era a única casa onde ele realmente se sentia me desculpem a repetição em casa. E ele surpreende Anna, a esposa de Cam.
A recepção não poderia ser melhor e parece que não se passou nem um dia desde que ele fora para a Europa, apesar de seus sobrinhos estarem todos grandes já. Apesar dessa impressão, St. Chris se mostra mudada em algumas coisas. Em especial, há uma nova loja na cidade: a floricultura Botão & Flor, de Drusilla Whitcomb Banks.
Dru se mudou há pouco tempo e está se acostumando rapidamente ao ritmo de cidade pequena, com moradores que gostam de conversar e não apenas fazer compras e o fato de todos naquela cidade a beira mar se conhecerem.
Seth é um pintor excepcional e reconhecido mundialmente. Dru é perceptiva e vende as flores certas às pessoas, além de fazer de sua vitrine um cantinho especial. Ambos trabalham com as cores e vão mexer um com o outro também.

Drusilla é a mulher Quinn mais fraca, a que menos gosto. Não que eu não goste dela, eu gosto. Mas fiquei um pouco desapontada quando a Nora não pôs o Seth com uma outra personagem que eu achava que ficaria com ele.
Seth é especial. Quando li os livros de Cam, Ethan e Philip eu me apeguei a ele e queria protege-lo. Nesse volume o sentimento de querer proteger Seth e ajuda-lo, apesar dele já ser um homem feito, volta, pois a Nora não escreve um simples romance. É preciso de alguma intriga para sacudi-lo.
A intriga se mostra em Glória DeLauter que está de volta, querendo tirar dinheiro e a paz dos Quinn, mas Seth não vai deixar que isso aconteça.
Apesar de Glória assombrando a vida de Seth, ler Resgatado pelo Amor me emociona muito e trás lágrimas a meus olhos, pois é como rever amigos que sumiram. Quando ele passa pela recepção oficial dos irmãos é engraçado e lindo ao mesmo tempo! A aceitação de que ele está de volta sem nenhum questionamento de porque e verdadeira e dá para sentir isso.
E eu posso ficar aqui falando e falando sem parar de o quão esse livro é especial pelo reencontro que ele proporciona, mas vocês vão querer me sacudir, portanto, encerro aqui com a indicação de que saboreiem essa trilogia que virou tetralogia e se emocionem também.

Nota: 5/5 – favorito! (acho que nem precisava dizer isso ^^)

Nenhum comentário :

Postar um comentário