SALIPI – Salão de Livros do Piauí com Luiza Trigo

, em sábado, 16 de junho de 2012 ,
Bookmark and Share



Como eu já disse antes, sou de Teresina – PI, e aqui nós temos uma feira de livros que está comemorando sua 10ª edição, o SALIPI. Os homenageados desse ano são Francisco Pereira da Silva, Luiz Gonzaga, Jorge Amado e Nelson Rodrigues. O primeiro, piauiense, foi dramaturgo e escreveu 32 peças. (Chegou pertinho do Shakespeare que escreveu 38.)

E olha que nome lindo o desse ano: “O fim do mundo é não ler”.

O que acontece no SALIPI: há vários estandes de editoras e livrarias comercializando seus livros, algumas têm momentos de autógrafos com autores da região; tem o Seminário Língua Viva que já está em sua 15ª edição e engloba diversas palestras com autores regionais, nacionais e internacionais (para esse evento é preciso se inscrever antes do Salão começar); shows musicais e de dança; e tem o bate-papo.

O Salão foi aberto no dia 10/06 e vai até 17/06, então ainda dá tempo da galera que está por aqui aproveitar e ir lá na Praça Pedro II, mergulhar em cultura.

Então, o pessoal de fora deve estar se perguntando por que eu estou falando disso ao invés de colocar uma resenha e tal. Primeiro para divulgar minha cidade, oras! E segundo para poder falar que eu conheci a Luiza Trigo, que veio lançar seu primeiro livro por aqui.

Ela chegou aqui na terça à noite e volta para o Rio de Janeiro hoje. Segundo a Luiza disse no bate-papo, ela veio lançar o livro e comer caranguejo. ^^


Luiza falou com alunos do 9º ano do Ensino Fundamental e 1º ano do Ensino Médio dos colégios Instituto Dom Barreto (meu amado IDB), Anglo Diferencial e Sinopse. Eu não pude ir a nenhuma dessas palestras, mas a Carla Giovanna assistiu à palestra no IDB e me contou o que rolou:

Luiza Trigo falou um pouco da história do livro: ‘é a historia de uma garota chamada Gabi que ao ver o ex-namorado beijando outra fica muito triste e resolve viajar para Recife para passar o Carnaval com as primas, e ela já vai pensando em ficar com vários garotos para esquecer o ex, mas ela encontra Felipe – um garoto atraiu sua atenção –, mas ele já esta com outra menina e daí ela descobre que ele também esta afim dela e...’ Aí vocês têm que ler Carnaval para descobrir.

Ela falou um pouco da sua vida: que seu pai veio no IDB há alguns anos lançar um livro também. Ela disse que sempre ia à biblioteca, amava ler e levava vários livros para casa, mas a mãe dela sempre limitava a quantidade de livros porque ela lia demais! Ela nunca gostou de ler alguma coisa sendo obrigada, nunca lia os paradidáticos da escola. Só depois de se formar que leu alguns, em vez de lê-los, ela lia outros livros...

Ela contou que teve uma série que deixava ela sem comer, sem dormir e que a fez chorar que foi Harry Potter! E ela também é fã da Meg Cabot. Luiza também comentou que já leu a série Jogos Vorazes (mas disse que odiou o filme) e que lê muitas revistas, como a Capricho, porque sempre busca saber o que os jovens estão lendo, ouvindo, gostando e tal. Ela leu a série de Crepúsculo e disse que começou a escrever o livro 'Carnaval' depois disso... Simplesmente veio na cabeça dela de escrever o livro.

Com as perguntas dos alunos ela respondeu: que acha que todo escritor é um sonhador (como ela diz no twitter); que ela já passou Carnaval em Recife, mas a história do livro não foi vivida por ela; que todo personagem tem um pouco dela (exemplos: gostam de arte, musica, livros, cinema)!

Perguntaram se o personagem Felipe é alguém que ela conheceu... Ela disse que o Felipe é um pouco de cada cara que ela era afim na época em que estava escrevendo o livro! Também deixou muito claro que não gosta de ser chamada de senhora, por ainda ter seus 23 aninhos, muito jovem ainda e é muito divertida (falou um pouco que seu quarto é cheio de ursinhos da Disney, muito meigo...).

Ela disse que em nenhum momento que estava escrevendo o livro se arrependeu de ter escrito um capitulo ou algum acontecimento... Ela pedia opinião para a sua irmã e em um capitulo sua irmã falou 'Você não pode escrever isso'... E em alguns ela mesma pensava 'não acredito que estou fazendo isso com a Gabi...'

Muito linda, encantadora, divertida, sorridente e simpática (opinião de todos), Luiza Trigo encerrou a palestra!


No bate-papo a Luiza falou que Carnaval ainda não está nas livrarias, ao menos não nas daqui, então quem andar pelas livrarias de Teresina comece a pedir o livro para que ele chegue aqui.

Ela explicou também a ligação de Carnaval com a saga Crepúsculo: ao ler sobre o Edward brilhar no sol, ela ficou frustrada, já que aquilo não é natural. Então resolveu escrever e montar um personagem que as garotas podem encontrar por aí, no meio da rua e tal.

Eu adorei a Luiza, pena que não pude falar mais com ela, mas vamos continuar nos falando no twitter. ^^

E para quem já leu ou está lendo Carnaval e quer saber se haverá continuação, pergunte à ela no twitter (@lulytrigo) ou na fanpage no facebook e descubra. ;)


Logo logo postarei resenha para vocês!

Quem quiser ver as outras fotos do SALIPI é só acessar a fanpage: https://www.facebook.com/ColecionadoresDeHistorias

Camila Araújo

Nenhum comentário :

Postar um comentário